Segundo dados do Instituto Nacional do Câncer (Inca), o Brasil registrou 16.370 novos casos de câncer de colo de útero só no ano passado. Já o diagnóstico para a mama foi dado para 59.700 mulheres. Mas será que essa incidência se distribui de forma realmente igual? Para discutir o assunto, o Centro de Integração de Dados e Conhecimentos para Saúde (Cidacs/Fiocruz Bahia) realizará, na próxima segunda-feira (9), o seminário “Desigualdades sociais em DCNT e pesquisa sobre câncer de mama e de colo de útero no Brasil” com transmissão on-line.

Sob o comando das pesquisadoras Estela Aquino e Emanuelle Góes, do Programa Integrado em Gênero e Saúde (MUSA) do Instituto de Saúde Coletiva da UFBA, o evento contará também com a participação de palestrantes da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), Instituto de Medicina Social (IMS-UERJ), do Instituto Nacional do Câncer (Inca) e da London School of Hygiene & Tropical Medicine.

Veja a programação completa:

9h às 10h – Abertura: Pesquisa sobre doenças crônicas não transmissíveis no CIDACS (Mauricio Barreto e Estela Aquino)

10h às 11h – Painel: Avaliação do impacto de políticas sociais sobre as doenças
cardiovasculares no Brasil

  • Bolsa Família e mortalidade por doenças cardiovasculares – Julia Pescarini (Pós-Doc CIDACS)
  • Impacto do Minha Casa, Minha Vida nas doenças cardiovasculares – Andrea Ferreira (Doutoranda PPGSC/UFBA)

11 às 12h – Desigualdades raciais no acesso a serviços de saúde no Brasil –
Emanuelle Góes (Pesquisadora do MUSA/ISC/UFBA e Pós-Doc CIDACS)

14 às 17h – Painel: Desigualdades sociais e câncer de mama e de colo de útero

  • Câncer de mama e do colo do útero: desigualdades sociais e regionais no Brasil – Gulnar
    Azevedo e Silva (Professora Titular IMS/UERJ)
  • Uso de dados secundários na pesquisa sobre câncer de mama e de colo de útero – Maria Teresa Bustamante Teixeira (Professora Titular – UFJF)
  • A utilização de Sistemas de Informação de Câncer na produção de conhecimento – Jeane Tomazelli (Doutora em Saúde Publica- IMS/UERJ/ Tecnologista do INCA)
  • Controvérsias e desafios para o controle do câncer de mama e do colo do útero – Isabel dos Santos Silva (Professora Titular LSHTM)