Com o slogan “Essa letra não pode faltar no Carnaval – Doe Sangue”, a Fundação Hemoba inicia, nesta semana, a campanha para a captação de doadores de sangue para o Carnaval de 2019. A ideia é sensibilizar a população sobre a importância de manter o estoque seguro, fazendo uma associação das letras que identificam os tipos sanguíneos com as letras de músicas da festa. Para ajudar nesta mobilização, a Hemoba contou com o apoio dos artistas Márcio Vitor, Léo Santana, Bell Marques e Ivete Sangalo.

Segundo o diretor-geral, Fernando Araújo, há um risco potencial de aumento da demanda durante a festa e o banco de sangue precisa estar preparado para o período. “É preciso chamar atenção para o risco iminente de acidentes, que geram a necessidade de ação imediata, além disto, ainda existe a demanda de sangue para pacientes que realizam tratamento hemoterápico, que precisa ser garantida”, comenta o diretor.

Critérios para doar

Para doar sangue, deve-se apresentar documento oficial com foto; pesar acima de 50 quilos; estar descansado (ter dormido pelo menos seis horas na noite anterior); não ingerir bebida alcoólica nas 12 horas anteriores; evitar comidas gordurosas nas quatro horas que antecedem a doação e ter entre 16 e 69 anos – menores de 18 anos devem estar acompanhados por um responsável legal.

Plantão de Carnaval

A unidade sede da Hemoba, localizada na Ladeira do HGE – Brotas, vai funcionar normalmente durante o Carnaval. Os atendimentos aos doadores acontecem de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 18h30, já no sábado o cadastro de interessados encerra às 12h30. Na quarta-feira, os atendimentos começam a partir das 13h.