Especialistas debatem "O futuro dos sistemas de saúde após a pandemia" no "Rimini Meeting 2020"

O sanitarista Luís Eugenio de Souza, professor e pesquisador do Instituto de Saúde Coletiva da UFBA, foi um dos convidados do “Rimini Meeting 2020”, tradicional evento ligado à Igreja Católica na Itália. A edição deste ano reuniu especialistas internacionais para debater “O futuro dos sistemas de saúde após a pandemia”. Durante o encontro, na última sexta-feira (21), o professor apresentou um panorama da pandemia do Brasil e destacou o crescimento no número de infectados nos últimos meses.

“O Brasil é o segundo país com maior número de casos confirmados e de mortes registradas (atrás apenas dos Estados Unidos). Estamos na 11ª posição entre os 167 países do mundo, com quase 500 mortes por milhão de habitantes”, alertou Luis Eugenio. Segundo os dados divulgados ontem (23) pelo Ministério da Saúde, o país chegou a 3,6 milhões de casos confirmados da Covid-19 e 114.744 mortes pela doença.

Para o professor, falta uma coordenação nacional efetiva no combate e controle da Covid-19 no país. Ele pontuou, inclusive, as trocas de ministros da Saúde durante o curso da pandemia e a ausência de um representante definitivo na pasta atualmente.

“Diante disso, a sociedade civil decidiu se manifestar e fazer proposições através de um plano para organizar e coordenar a resposta à pandemia”. A reação citada por Luis Eugenio é o “Plano Nacional de Enfrentamento à Covid-19”, construído coletivamente por entidades de diversos setores da sociedade que integram o movimento “Frente pela Vida”.  O documento, organizado pelo Conselho Nacional de Saúde (CNS), reúne orientações ao Ministério da Saúde, governadores, prefeitos e secretários para a tomada de decisões em relação ao enfrentamento da pandemia.

O professor explicou sobre o funcionamento do Sistema Único de Saúde nos municípios brasileiros e a importância do SUS para o atendimento à população durante a pandemia. Ele criticou os cortes dos recursos nos últimos anos e as ameaças para o financiamento do SUS no próximo ano. “Precisamos melhorar a gestão, para encorajar e apoiar a participação social, e fortalecer o SUS, para garantir a equidade da promoção à saúde em nosso país”, concluiu.

Professor Luis Eugenio de Souza, à direita, apresenta informações sobre a pandemia no Brasil

Sobre o Rimini Meeting

O “Rimini Meeting” é um evento realizado há 40 anos em Rimini, na Itália. Na última semana de agosto, a cidade torna-se a capital da cultura internacional, com a participação de personalidades da política, economia, religião, intelectuais, esportistas e artistas, que se reúnem para debates, mostras e espetáculos. As origens do encontro estão no Movimento Comunhão e Libertação, fundado pelo sacerdote Luigi Giussani.

Este ano, por conta da pandemia de Covid-19, o evento ganhou uma edição especial com a realização de debates no formato live streaming.

Para acompanhar a participação completa do professor Luis Eugenio de Souza no Rimini Meeting 2020, assista ao vídeo oficial do evento: